Data: 25 de junho a 17 de julho de 2015

 

Artistas: Bettina Vaz Guimarães Juliana Hoffmann

 

Elementos | entre_linhas
 

Local: O Sítio | Florianópolis | SC

 

Duas exposições diferentes mas que falam entre si, abrem no próximo dia 25, no Sítio Arte Educação e Coworking.  A paulista Bettina Vaz Guimarães, com a mostra Elementos e a catarinense Juliana Hoffmann com entre_linhas. São exposições separadas mas em pleno diálogo e ambas sob a organização da galerista Myrine Vlavianos.

 

As obras de  Bettina Vaz Guimarães e Juliana Hoffmann têm em comum a abordagem contemporânea de temas tradicionais da pintura como a natureza-morta e a paisagem. Bettina e Juliana são essencialmente pintoras, mas não se limitam à tinta sobre a tela. Elas exploram campos diversos das artes visuais, tanto nos materiais empregados (acrílico, mdf, papel, vidro...) como nos formatos, que vão do objeto à instalação.

 

Bettina Vaz Guimarães é formada pela Faculdade de Artes Plásticas da FAAP, em São Paulo, e com uma sólida trajetória de exposições, bienais, salões e prêmios iniciada em 2002.  Esta é a segunda vez que a artista apresenta seu trabalho em Florianópolis: em 2006 foi organizada uma individual com seus desenhos no Museu Victor Meirelles. Agora, Bettina tráz a exposição Elementos, com pinturas e instalações de cubos e desenhos, resultado dos dois últimos anos de pesquisa.

 

Juliana Hoffmann vive em Florianópolis e, desde os anos 1990, participa intensamente do circuito das artes contemporâneas catarinenses. Esta exposição, intitulada entre_linhas, apresenta um conjunto inédito de obras realizadas em 2015. São pinturas feitas em camadas utilizando  tinta acrílica, impressão fotográfica, tela, vidro, acrílico, voal e linha.

 

Segundo Myrine Vlavianos,  “a Bettina e a Juliana formam a primeira de quatro duplas de artistas que vamos trazer para o espaço expositivo do Sítio este ano. O convite aos artistas partiu de uma intenção bem clara de reunir um artista local e um artista de fora do Estado para proporcionar um encontro entre artistas, obras e públicos de Santa Catarina e de outras partes do país”, conclui.

 

 

Please reload