(Atenas, 1929) 

    

Entre 1956 e 1961, estudou e trabalhou em Paris, onde iniciou seu aprendizado em Escultura com Zadkine na Académie de la Grande Chaumière e produziu suas primeiras obras em ferro soldado na  Acadèmie du Feu de Laszlò Szabo. Participou de exposições como o Salon de Rèalitès Nouvelles no Musée des Beaux-Arts de la Ville e  Salon de la Jeune Sculpture no Musée Rodin. Em 1961 viajou ao Brasil, para integrar a delegação grega na VI Bienal Internacional de São Paulo. Vivendo em São Paulo há 49 anos, Vlavianos é “membro do círculo de valores principais da escultura moderna no Brasil” (Walter Zanini, 2001).



PRINCIPAIS EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS
1966    MAM - Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro
1971    Museu da Arte Brasileira, FAAP, São Paulo
1977    MAC/USP - Museu de Arte Contemporânea da USP, São Paulo
1993    MASP - Museu de Arte Assis Chateaubriand, São Paulo
2011    Museu de Arte Brasileira, FAAP, São Paulo
2007    Kouros Gallery, Nova York (durante o período da exposição, o artista proferiu a palestra Reflections on Sculpture na Columbia

             University, NY)
2010    Caixa Cultural, São Paulo
2011    Caixa Cultural, Brasília e Rio de Janeiro
2012    Caixa Cultural, Salvador
2013    Caixa Cultural, Recife e 
Fortaleza

PRINCIPAIS EXPOSIÇÕES COLETIVAS
1961/63/65/67    VI , VIII, VIII e IX Bienais Internacionais de São Paulo
1975    III Bienal Internacional da Pequena Escultura, Budapeste
1984    Tradição e Ruptura, Fundação Bienal de São Paulo
1994    Bienal Brasil Século XX, São Paulo
1997    A Escultura Brasileira de 1920 a 1990, Washington, DC, e São Paulo
1998    Pier Walk 98, Chicago
2000    Escultura Brasileira na Luz, Pinacoteca do Estado de São Paulo
2010    Memórias Reveladas, Museu de Arte Brasileira,FAAP, São Paulo

2015    11ª SP-ARTE (MV Arte Contemporânea), Pavilhão da Bienal, Pq Ibirapuera, São Paulo SP

2015    “Século XX – Acervo MAB”, Museu de Arte Brasileira da FAAP, São Paulo SP

PRINCIPAIS PRÊMIOS
1965    Prêmio Itamaraty na VIII Bienal Internacional de São Paulo
1974    Prêmio APCA – categoria Artes Visuais
1975    Primeiro Prêmio –  III Bienal Internacional de Budapeste
1981    Prêmio Aquisição –  Panorama Atual de Arte Brasileira, MAM, São Paulo
2001    Prêmio APCA – categoria Exposição Tridimensional

2014    Homenagem do Prêmio ABCA, Sesc Vila Mariana, São Paulo SP

COLEÇÕES PÚBLICAS

MAC USP – Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (SP)

MAM –Museu de Arte Moderna de São Paulo (SP)

Pinacoteca do Estado de São Paulo (SP)

MAB – Museu de Arte Brasileira da FAAP, São Paulo (SP)

Museu de Arte da Prefeitura de Belo Horizonte (MG)

Museu de Arte de Olinda (PE)

Ministério de Relações Exteriores do Brasil, Brasília (DF)

SESC – Serviço Social do Comércio  (SP)

Ministério de Educação da Grécia, Atenas

Fundação Padre Anchieta, São Paulo

MASC – Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis (SC)


LIVRO E TESE SOBRE O ARTISTA
2001  Vlavianos, A práxis da escultura (textos principais de Walter Zanini e Olívio T. de Araújo), São Paulo, Editora Globo

2016  O escultor é tema da tese de doutorado “Nicolas Vlavianos: uma poética de tradição hierática e moderna da escultura” defendida por Eliane Gallo, no Instituto de Artes da UNICAMP, Campinas SP

Nicolas Vlavianos

1/3